Stash Contato
Destaque

Somos TOP1 Empreendedores LGBT no Brasil!

23 de novembro 4 min. de leitura

A ST-One é #TOP1 no ranking Empreendedorismo LGBTQIA+ no Brasil!

A 100 Open Startups é a plataforma líder em Open Innovation na América Latina, que tem como missão transformar o mercado e a sociedade a partir da inovação pela colaboração entre empresas e startups.

A origem da plataforma faz menção à criação do Centro de Open Innovation Brasil, em 2008, e é consequência da colaboração entre o professor Henry Chesbrough, da Universidade da Califórnia – Berkeley, e o pesquisador Bruno Rondani, da FGV-EAESP.

A primeira edição do Ranking 100 Open Startups, no entanto, aconteceu em 2016, com o objetivo de mapear os próximos movimentos de inovação, que vão definir as tendências e a convergência de investimento nos estágios seguintes. Alguns dos pontos que são identificados para a seleção das startups são quais são as emergentes que definirão o cenário do mercado nos próximos anos e quais são as empresas mais preparadas para a transformação de seus setores.

Para celebrar a conquista de 2022, convidamos o CEO da 100 Open Startups, Bruno Rondani – que carrega a qualificação de Doutor em estratégias de Negócio, pela FGV, dentre outros títulos de especializações em Inovação – para dar seu depoimento sobre a intenção da categoria LGBTQIA+, confira abaixo:

[ST-One] Quando a categoria Empreendedorismo LGBTQIA+ foi criada?

Bruno Rondani: Foi criada no ano passado, para o Ranking 100 Open Startups 2022. Em anos anteriores já havíamos promovido as categorias TOP Empreendedorismo Negro, TOP Empreendedorismo Feminino e TOP Empreendedorismo Sênior, e em 2022 ampliamos as premiações incluindo o TOP Empreendedorismo LGBTQIA+.

[ST-One] O que motivou a criação da categoria?

Bruno Rondani: Podemos dizer que nossas principais motivações foram celebrar essa diversidade que emerge da própria comunidade, e trazer esse duplo reconhecimento de que, além de serem líderes em open innovation, esses empreendedores conquistaram essa posição de destaque enfrentando obstáculos a mais por pertencerem a esses grupos.

[ST-One] Como funcionam as inscrições e quais os critérios de avaliação para essa categoria?

Bruno Rondani: Todo o Ranking 100 Open Startups funciona sob o mesmo critério, premiando as startups que mais fazem open innovation com corporações. Ou seja, as startups ganham pontos com base na quantidade e intensidade dos contratos estabelecidos com médias e grandes empresas.

Para as categorias especiais, a startup que se enquadra em uma ou mais dessas categorias deve se candidatar no formulário do Ranking. Caso seja premiada entre as líderes de open innovation do ano, seja no TOP 100 ou TOP 10 Categorias, ela terá esse duplo reconhecimento, neste caso, como uma das startups líderes em open innovation lideradas por pessoa LGBTQIA+.

[ST-One] Como a categoria LGBTQIA+ impacta o cenário de startups?

Bruno Rondani: Fazer com que a diversidade seja celebrada é o impacto que buscamos: Ver toda a comunidade de empreendedores celebrando essas pessoas.

Entendemos que a open innovation, pela própria natureza de busca pela inovação que vem de fora, tende à maior diversidade. Então, ver a demanda da própria comunidade por essa celebração eu diria que é a principal conquista desse prêmio.

[ST-One] Quais são alguns dos objetivos para o futuro da categoria ou ao impacto que ela pode ter?

Bruno Rondani: Acreditamos que a visibilidade dessa celebração incentive mais e mais empreendedores a buscarem esse reconhecimento. Nosso objetivo é fazer com que mais e mais pessoas vejam esses casos de sucesso e sejam incentivados a criarem seus próprios negócios em inovação, promovendo cada vez mais equidade e diversidade entre as pessoas que estão à frente das startups.

O ciclo do Ranking 100 Open Startups 2023 segue aberto para cadastros e declarações de contratos. Podem participar startups, corporações, agentes do ecossistema e investidores. Quem quiser saber mais sobre o Ranking, a metodologia e o regulamento podem acessar: 100os.net/ranking

Nós, enquanto Startup IndTech, nos orgulhamos de fazer parte da comunidade de empreendedores LGBTQIA+ e de termos a visibilidade capaz de inspirar novas pessoas a mergulharem no mundo da Inovação.

A tecnologia da ST-One permite a conexão entre o maquinário fabril – pois possuímos um hardware proprietário, que contém um robô de algoritmo inteligente que classifica todos os dados que o equipamento gera – e uma interface customizável, amigável e flexível, em que é possível criar dashboards de visualização simultânea de diferentes fontes em diferentes dispositivos.

Os dados coletados da máquina são criptografados e armazenados em nuvem, o que permite que o sistema seja ágil e mais seguro. Após a classificação automática realizada pelo robô inteligente, de todos os dados que a máquina produz, o nosso time de cientistas de dados contribui para que a visualização das informações mais relevantes sejam o mais otimizados possível.

ST-One Ltda © 2024

Política de Privacidade

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.